terça-feira, 5 de outubro de 2010

Distânciadas.


Tantas vezes dissemos que a distância não nos separaria, mas, mesmo depois de tantas palavras, meu coração insiste em ficar apertado achando que suas lembranças não pertencem mais a mim.
Mas ai, derrepente eu vou até você, e te vejo denovo. Então percebo que tudo o que dissemos foi verdadeiro. Cada palavra, cada gesto, cada abraço.
Vejo que realmente é impossível nos separar, e que cada centímetros nos faz ver o quão cada uma é importante pra outra.
Não importa quantas amigas eu faça, não esquecerei de tudo, TUDO, que passamos juntas.
EU TE AMO.

Um comentário: